segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Se eu gritasse, o teu nome, ele ecoaria no planeta Afrodite , meu Amor... Evandro Jose Do Nascimento

À mim, atrai mais, em uma Mulher, a sua Natureza Feminina... Eu não necessito de comprovação científica, para ter certeza de que, ela, Mulher, completa ao Homem, pois, a parte de mim, levada por Deus, dói ainda, na minh'Alma... Evandro Jose Do Nascimento

Pane geral no facebook: 24 horas, sem acesso.

domingo, 1 de setembro de 2013

Antes, eu me sentia obrigado a confessar, a motivação de um texto, se fosse romântico. Era quase tão importante confessar, como escrever... Agora não é assim: guardo comigo a Musa que inspira, mas sinto que ela sabe. Entre um ponto, e reticencias, sabe ela de onde lhe foi tirado virtude... Virtude à que voluntariamente, submeto-me. Evandro Jose Do Nascimento

A tua pele molhada


Vagou o meu pensamento de encontro ao teu,
vagou, pela tua Alma, pelo teu domínio...

Procurava paz, no teu olhar, e
O sabor de viver, no mel dos teus lábios,que
tal qual o desbrochar de uma flor,como a que vi adornando os teus cabelos, em um sonho, se abrem alegrando o coração.

Procuro o atrativo do amanhecer, à beira mar,
Nos teus pés, que acariciam a alva granulada,
Submissa às impressões que plantas,
À medida que passeias...

Segue o meu pensamento aos teus passos

O vento me trás o último aroma, de
um perfume, que a tua pele cedeu à água do mar, que não resistiu ao desejo de possuir-te.

Ficou para mim, a Natureza nua, e o teu natural, o melhor perfume...

Evandro Jose Do Nascimento

terça-feira, 30 de julho de 2013

Nuvens da Alma



Densos rolos de nuvens passeiam, por
Um céu que, insiste em exibir-se...
Passageira, a solidão habitante da Humana Alma, tal qual
a nuvem,
Ofusca significativo reluzir de olhos, e sorrisos, mas
Não o detém permanentemente, e
Como triunfa o Sol, após cada tormenta,
A Fênix reinante no Pleno Infinito, da tua existência,
Conforta o navegar, no vácuo do desamor, e das lágrimas.

Sol, é o calor do teu peito, de
encontro ao meu,
Mesmo quando a tua morada,
é o meu pensamento, e
O sabor de viver, vem do céu da tua boca.

Evandro Jose Do Nascimento

quarta-feira, 24 de julho de 2013

A Angústia de uma Rosa

A reflexão não responde porquê uma rosa rejeita ao seu tratador, talvez estivesse ela em um dia de angústia intensa, erguendo assim as suas defesas, até mesmo contra o seu guardião, que afaga a sua feminina Alma. Alma que de tanto  ser  lançada em solo infértil, padece pela carência de nutrientes que a vivifique... padece sem assistência, à mercê da intempérie... Padece sem um Amor que a fecunde.

Evandro Jose Do Nascimento

"... O momento perpetuado na lembrança torna-se-á uma rotina de mútuo prazer, tu e eu: Momento eterno de um conjunto indivisível..."

 Evandro Jose Do Nascimento
Loading...